FAZER A BANGÚ OU COM MUITO PREPARO?

Estou trabalhando no meu projeto de quadrinho cyberpunk ainda anônimo, e para ter um ritmo de produção que não interfira nos meus estudos e outros trabalhos quero algo que seja dinâmico de fazer. Durante a composição deste estilo de trabalho me deparei com uma dúvida: Faço tudo sem muito planejamento e vendo no que dá, ou estruturo primeiro direitinho do começo ao fim antes de por a mão na massa?

NO IMPULSO

Um método que prioriza a produção antes do planejamento é bom no sentido de que você estará vendo a coisa tomar forma, e com o material ganhando vida vai conseguir manter um ritmo bom e se empolgar para prosseguir. O problema de um método assim é acabar se perdendo nas ideias, travando em algum problema de roteiro que não havia sido previsto, não poder acrescentar elementos que conduziriam para um final melhor por não ter pensado nestas ideias desde o começo, não fechar pontas soltas que se tornaram irrelevantes no decorrer da trama. Um método feito de forma livre e sem planejamento algum pode perder a linha em algum momento, é como andar num labirinto as cegas.

COM PREPARO

Com planejamento você estrutura a base de toda a trama, personagens que irá usar, ritmo dos acontecimentos, pode acrescentar pistas de uma reviravolta desde o começo, tem um controle melhor de tudo. Fazer as coisas com preparo é bom, mas existe o risco de ficar preso no preparo e acabar não dando o primeiro passo. Por querer deixar tudo perfeito, o artista pode ficar mexendo e remexendo no seu plano antes de começar, o que muitas vezes se torna uma prisão devido a margens de ideias novas que surgem e das influencias que não param de gritar. Sem falar que por não ter começado ainda, ficará sem ver a obra ganhando vida, o que pode acabar causando desanimo e a tentação de começar outro projeto. É como ficar reunindo equipamentos e mapas para entrar no labirinto, mas não entrar por não ter certeza se está preparado ou não.

EQUILÍBRIO

Deve haver um equilíbrio entre os métodos: Criar um planejamento simples, uma estrutura base de começo, meio e fim e já ir produzindo com isto, segundo um ritmo dentro do que foi planejado. Um planejamento base também servirá para restringir as ideias e manter o foco, pois algo aberto demais e com muitas escolhas acaba dando margem a desvios e voltas que atrasam a produção.

Tentarei seguir esta linha de ideias e espero ter algum resultado pra mostrar aqui do projeto já semana que vem. Qual o seu método? Já teve algum problema assim na hora de montar uma rotina de trabalho? Deixe sua experiencia nos comentários, até mais!

Anúncios

USANDO O TEMPO A SEU FAVOR

Faz séculos que não posto nada por aqui, e não foi por falta de ideias, mas sim por acumular muitos afazeres e ter que fazer malabarismo pra dar conta de tudo. Estes últimos meses foram um pouco complicados, porém cá estou e pretendo falar da organização de tempo para se dedicar a hobbys em meio a tantos afazeres. O TEMPO PASSA, O TEMPO VOA… No nosso dia-a-dia temos compromissos como estudos, trabalhos, academia, etc, e muitas vezes acabamos não tendo tempo para trabalhar nossa criatividade, ou ficando sem energias para estas coisas, querendo apenas descansar do stress. Uma coisa que aprendi nestes meses é que é possível sim administrar seu tempo para fazer os compromissos, ter tempo para seus trabalhos e hobbys, e ainda conseguir descansar para restaurar as energias gastas durante o dia – Porém exige MUUUUITA dedicação e disciplina, e nem sempre estas são coisas fáceis de se conseguir. Eu poderia listar aqui mil fórmulas ou aplicativos de celular que ajudam a montar formas de administrar seu tempo, porém em muitos casos elas não funcionam (pra mim ao menos não funcionaram), afinal cada pessoa tem uma rotina e um ritmo e a que funciona pra um estudante jovem pode não funcionar pra um empresário que viaja todos os dias. Vou apresentar algumas dicas simples, coisas que ajudem a você manter um ritmo e um ânimo, e coisas que possam permitir criar mesmo em dias corridos, vamos lá?

  • Carregue sempre uma caneta e um bloco de papel ou caderno pequeno, assim quando você estiver em uma fila de banco, dentro do busão ou preso no trânsito poderá usar o tempo a seu favor;
  • Mantenha a mente ativa, leia notícias, converse com outras pessoas, assista filmes de todo tipo. Receba informação para que sua mente possa trabalhar e usar a seu favor;
  • Evite distrações no momento que estiver trabalhando, pois foco é essencial. Coloque o celular no silencioso, de uma folga pras redes sociais, e guarde alguns minutos para mergulhar no seu afazer;
  • Crie uma rotina e estabeleça horários para poder ter um controle melhor de tudo que você faz, nem que pra isso precise de uma agenda;

Estas são algumas que lembrei agora, a qual também pretendo colocar em prática e com isto voltar gerar conteúdo aqui no blog, pois eu tenho muita coisa acumulada pra criar, muitos assuntos a compartilhar e muitas histórias pra contar. Veja também um post antigo sobre manter o foco e bem-estar clicando AQUI. Deixe aqui nos comentários como você lida com o tempo e suas atividades, acrescente mais a esta conversa, será ótimo conhecer novas maneiras de trabalhar isto. Até a próxima!

JANEIRO–S06E01

Abrindo os trabalhos do blog este ano e colocando o teclado para funcionar. Ainda estou decidindo como vou trabalhar os posts novos do blog este ano, mas tenho muitas ideias interessantes que espero por em prática muito em breve. Por enquanto farei como de hábito, comentando algumas coisas do mês que passou e do que anda acontecendo.

Este mês de janeiro passou voando, e apesar de ter me ocupado mais com viagens e afins, consegui usar um pouco do tempo para trabalho. Tive insights bem interessantes para a Dragão Escarlate, a qual pretendo me dedicar bastante este ano, e também ando estudando novas técnicas para um projeto que em breve você vai ver aqui. Estou bem empolgado com os resultados, e logo terei algo pra mostrar. Agora em Fevereiro vou conseguir estabelecer melhor minha rotina de trabalho, e pretendo fazer posts frequentes onde abordarei meu processo de trabalho.

DIA NACIONAL DO QUADRINHO

No dia 30 de Janeiro de 1869, era publicado o primeiro quadrinho nacional, As Aventuras de Nhô Quim, do artista Angelo Agostini. Esta data foi escolhida para celebra o Dia Nacional dos Quadrinhos, e devemos celebrar este mercado que cada dia tem crescido mais no país. O público esta começando a perceber o valor que as histórias em quadrinhos tem, e que podem contar histórias de uma forma única e fascinante.

Qual foi o último quadrinho que você leu? Conhece algum autor nacional (não vale Maurício de Souza e Ziraldo)? Existem muitos artistas independentes que aos poucos estão ganhando espaço, e gerando muito material de qualidade. Caso você conheça algum e queira recomendar ou mesmo divulgar seu trabalho, deixe nos comentários deste post.

HANGOUT DO DANIEL HDR

Se você está lendo este post no dia de seu lançamento (30/01/14), poderá acompanhar o Hangout on Air do meu amigo Daniel HDR para celebrar o dia nacional dos quadrinhos. Será um bate-papo em que ele, Fabio Coala, Mario Cau e Wesley Samp, batem um papo descontraído com os fãs e respondem perguntas.

Você pode enviar perguntas AQUI, e ver o vídeo de divulgação AQUI, não perca!

Enfim, foi um post modesto, mas pra começar o ano está de bom tamanho. Espero que você esteja tendo um excelente começo de 2014, e se não estiver tendo, o faça ser. Agora pegue um quadrinho e vá ler pra celebrar o dia de hoje, depois vá ver o Hangout do HDR.

Pra encerrar o primeiro post do ano com tudo, deixo aqui um vídeo bem legal com uma compilação de cenas de luta do cinema. Comece o ano com um pé na porta e soco na cara e até a próxima!!!!

Ouvindo: Badernacast;

Lendo: Sistemas de RPG Cyberpunks como Gurps Cyberpunk e Cyberpunk 2020;

Assistindo: Hajime no Ippo – Rising;