FEBRE ZUMBI

Eventualmente algum tema se torna tendência na cultura pop, e acaba aparecendo em filmes, livros, quadrinhos, games e onde mais puder se encaixar. Nos últimos tempos os zumbis “infectaram” tudo que se possa imaginar, pois nunca se viu tanto produto ligado a este nicho que antes remetia apenas a cultura trash. Hoje falarei de duas abordagens diferentes do tema zumbi, mostrando que estes podem ser empregados e encontrados em qualquer gênero.

MIOOOLOS…

A maioria das obras com zumbis que existe hoje foi feita nos últimos dez anos, e eu confesso que não era muito fã dos mortos-vivos quando mais novo, mas depois deste “BOOM!” eu passei a olhar este tema com mais atenção. Alias, uma coisa que as pessoas confundem é que zumbi NÃO É GÊNERO de filme, e sim um tema. Dizer que zumbi é gênero seria o mesmo que dizer que Tubarão é filme do gênero “Tubarão”, ou que “A Lenda dos Guardiões” é um filme do gênero “Coruja”. A maioria dos filmes com zumbis são do gênero suspense, pois focam na sobrevivência das pessoas em meio ao caos, mas existem filmes de zumbis de todos os gêneros como terror, ação, comédia – e mais recentemente – romance.

ZOMBIE IN LOVE

Em breve chegará aos cinemas Sangue Quente (Warm Bodies), uma adaptação do livro de Isaac Marion que trás uma história de amor entre um zumbi e uma humana. Devido a esta abordagem, muitos já tem falado de uma “Crepuscularização dos zumbis”, mas vendo mais de perto, Sangue Quente apesar de aplicar novos conceitos aos zumbis para caberem na trama, ainda respeita as criaturas (ao contrário da Stephenie Meyer e seus vampiros brilhosos). Pelo trailer se vê que o filme tem uma pegada cômica, mas querendo ou não ele é uma comédia romântica e trará todos os clichês do gênero. Se o filme explorar o humor negro das situações como o trailer mostra, será um bom “água com açúcar e sangue”. O filme chega ao cinema dia 1º de fevereiro de 2013 nos EUA.

COOORRRE BRAD PITT!!!

Outra adaptação de um livro com zumbis mas com uma pegada diferente é Guerra Mundial Z (World War Z) de Max Brooks (que também escreveu Guia de Sobrevivência a Zumbis). O filme acompanha o relato de um oficial da ONU (Brad Pitt) sobre uma guerra contra hordas de humanos mortos-vivos. O roteiro passou por várias modificações, e parece que não será tão “político” quanto o livro, abusando das cenas de ação e tensão (o que é aquela tsunami zumbi que parece uma avalanche de torcida organizada?”). Acho engraçado ver Brad Pitt em um tipo de filme que normalmente é feito pelo Tom Cruise. O filme estreia em 2013, dia 21 de junho nos EUA e em 28 de junho no Brasil.

Apesar de que a abordagem que George Romero estabeleceu em seus primeiros filmes (e desconstruiu mais tarde) ser usada como clássica, devemos lembrar que zumbis são criaturas que não existem, e cada autor coloca sua interpretação sobre os mesmos. Eles podem correr, evoluírem, e até dançarem (“Cause this is THRILLER!!”), o que importa é que seu conceito seja respeitado e que exista uma certa “coerência” em seu contexto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s