TESOUROS OCULTOS

Crises criativas são comuns com quem precisa trabalhar com a imaginação (já comentei isso AQUI), mas quando as respostas estão ao nosso alcance e não as percebemos? Consegui encontrar em minha casa algo que foi como um tesouro oculto. Será que o mundo não está gritando aos quatro cantos o que você tanto procura e você não esta ouvindo?

ONZE MINUTOS

Eu estava navegando pelo Twitter como não fazia a muito tempo, vendo o que as pessoas comentavam em seus 140 caracteres, quando de repente vi um link do escritor Paulo Coelho, que me levou direto a um trecho de seu livro Onze Minutos. Aquele simples trecho que cativou, e fiquei decidido em procurar o livro quando fosse da próxima vez a uma livraria. Decidi organizar meu quarto e me surpreendi ao me deparar na estante de livros do meu quarto o tal livro que tanto fiquei curioso para ler. Sábado fui trabalhar no curso de quadrinhos, e como o livro que estou lendo, Guerra dos Tronos – A Fúria dos Reis, é muito grande para levar na mochila, acabei levando Onze Minutos comigo. Comecei a lê-lo no ônibus por volta das 10h45 da manhã, e mergulhei de cabeça em suas página, o acabando precisamente as 05h00 da madrugada. Como poda um livro que sempre esteve em minha estante conter respostas para pequenas questões que estavam ocultas em minha mente a semanas? Encontrei em suas palavras uma sensação gostosa daquelas que só os universos da arte podem trazer, além de questionamentos e informações que contribuíram muito para detalhes em meus roteiros que precisava sanar. Algo similar aconteceu quando comprei a graphic novel Sandman – Os Caçadores de Sonhos, mas a diferença é que o livro sempre esteve na minha casa, e eu nunca havia lhe dado atenção.

CARTAS NAS MÃOS

Eu acredito que a vida nos trás respostas e auxílios quando precisamos, e sussurram aos nossos ouvidos usando os mais diversos meios. Você já parou para pensar que a solução para aquele seu problema, aparentemente insolúvel (seja no trabalho ou na vida pessoal), pode estar oculta como um tesouro perdido na sua casa? Quem trabalha com criatividade precisa beber de diversas fontes para construir e manter seu arsenal de ideias sempre impecável, evitando assim as famosas “crises de criatividade”, e na sua ânsia por novidades acaba deixando passar despercebida ferramentas que já possui, cartas que formavam uma combinação vitoriosa mas por desatenção não havia notado. Aquilo que você mais precisa pode estar escondido nas páginas de um livro na estante, nas cenas em um antigo filme que há muito não vê, na letra de uma música perdida em um CD, ou mesmo na conversa displicente com um amigo a qual você não conversa há muito tempo.

Sejam coincidências ou não (assunto a qual já falei AQUI), é inútil ficar parado esperando que os problemas se resolvam por si mesmos, colocando-se na condição de refém das oportunidade e conformado com o doce jogo entre a “sorte” e o “azar”. Não podemos ficar parados! Precisamos abrir os olhos e ir atrás das ferramentas certas para manter nosso mundo girando e construirmos com Fé e força de vontade o nosso caminho. Os tesouros não estão ocultos, somos nós que não os enxergamos, ABRA SEUS OLHOS!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s