VIDEOGAME ARTE, VIDEOGAME MULEQUE

Há muito tempo uma questão mais polêmica que mamilos vem rondando o certame do mundo nerd. De um lado estão aqueles que dizem que videogames são produtos de entretenimento e nada mais, e do outro estão os que defendem os jogos eletrônicos como um novo tipo de arte. Neste post coloco minha opinião quanto a esta questão, e convido você a questionar se videogame pode ou não ser considerado arte.

Os jogos de videogame foram melhorando e evoluindo de mãos dadas com a tecnologia. Nos primórdios do videogame a tecnologia não permitia gráficos e recursos muito elaborados, isso fazia com que o jogador tivesse que usar sua imaginação para enxergar naqueles poucos quadrados coloridos a imagem de uma pessoa, criatura ou veículo. Os criadores dos jogos tinham que se virar para compensar a falta de recursos com um bom grau de desafio, e os jogos prendiam as pessoas em horas de diversão. A cada geração de consoles, os recursos foram melhorando e as companhias investindo e inovando em conceitos e jogabilidade, chegando ao ponto da interação sem controle como no caso do Kinect do XBOX 360.

Os jogos de videogame deixaram de ser apenas uma forma de entretenimento, e passaram a contar histórias. No controle do personagem, você vai prosseguindo cada estágio e tendo uma trama revelada diante dos seus olhos, aumentando seu envolvimento com o jogo. Não são raros os jogos que possuem mais de um final, fazendo com que as escolhas do jogador alterem o andamento da aventura. Existem jogos que possuem tramas dignas de filmes de Holywood, como a série Metal Gear ou Splinter Cell e Parasite Eve. É irônico que muitos jogos consigam possuir uma trama digna de cinema, mas o cinema quase nunca consegue adaptar uma trama de jogo para o seu formato com sucesso (Já falei no blog sobre adaptações de games para o cinema AQUI e AQUI). Muitos jogos possuem vídeos inseridos durante seus estágios para contar a história, e alguns até usam histórias em quadrinhos como prequel de sua trama principal.

O processo de elaboração de um jogo exige muitos desenhos para a concepção dos personagens, itens, cenários e tudo mais que irá aparecer na tela. Apesar de muitas vezes os jogadores nem repararem em coisas como esta, os desenhos de concept art dos jogos são verdadeiras obras de arte. Uma boa trilha sonora também é essencial para fazer o jogador imergir no mundo do jogo. Antigamente ela não passava de barulhinhos ordenados, mas com o tempo se tornaram composições clássicas e conhecidas por todos (eu já coloquei como toque de celular o tema do Super Mario Bros., e várias pessoas reconheceram de imediato), ou mesmo lindos temas que valem até ser ouvidos quando não se esta jogando (eu particularmente sou fã das trilhas sonoras de Final Fantasy, Castlevania, Guilty Gear e Dragon Age). Me trás uma sensação nostálgica ouvir os meus temas favoritos de game em formato “.mid”, som característico dos consoles de 8 e 16 bits.

Eu acredito que o propósito da arte seja provocar, instigar, emocionar, fazer pensar e agregar algo as pessoas. Nem todos os games conseguem tocar profundamente seus jogadores – Mas se você parar para pensar, nem todos os quadros, filmes, livros e músicas também não conseguem. A discussão deste tema é longa e provavelmente não será aqui que ela encontrará seu fim, mas quero levar você que curte jogar seu console a pensar nesta questão, analisando, sentindo e explorando seus jogos favoritos. Experimente e deguste seus jogos o máximo que puder, depois venha aqui e poste nos comentários sua opinião sobre o assunto.

*Abertura de Final Fantasy XIII – Escolhi este jogo pelo design e gráficos sempre inovadores na série, e pela música que nunca é menos que fantástica.

Mais sobre o assunto em uma matéria da Galileu clicando AQUI.

Anúncios

Uma resposta para “VIDEOGAME ARTE, VIDEOGAME MULEQUE

  1. Pingback: DISHONORED | RÓDJER GOULART BLOG

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s