INFÂNCIA

Mesmo que muitas pessoas neguem ou até não aparentem, todos já foram crianças. Lembro com saudades dos meus tempos de pirralho e como o mundo era fantástico e fascinante, mas parece que cada vez mais cedo as crianças vão deixando de enxergar o mundo dessa maneira, cada vez mais cedo as crianças deixam de ser criança – Como são bestas…

Fui uma criança muito boba e feliz, meus pais sempre incentivaram a criatividade com livrinhos infantis e desenhos animados, jogava meu Atari da CCE (não é a toa que virei um nerd). Minha mãe datava meus desenhos, sendo que hoje tenho alguns de quando tinha 2 anos e meio de idade. Vivia num mundo de fantasia, acreditava em tudo que me contassem, era a personificação da ingenuidade. Tinha medo de coisas bobas como cachorros e filme de terror (não gostava de entrar em locadoras pra não passar nas sessões de terror) e chorava fácil quando era acusado de alguma coisa, mesmo quando não era culpado. Cresci assistindo Rá-tim-bum, Glub Glub, Mundo da Lua e todas as coisas que a TV Cultura produzia – O melhor conteúdo infantil já feito, tanto que ainda hoje passa as mesmas coisas. Acredito que eu e todas as crianças que passaram sua infância entre o fim da década de 80 até o início da década de 90 pegamos a finaleira dos bons tempos, pois depois disso a infância começou a se tornar uma fase cada vez mais distorcida.

Hoje em dia as coisas estão bem diferentes, pois a informação é muito mais rápida do que era. As crianças perdem sua ingenuidade e inocência cada vez mais cedo, já enxergam a lógica das coisas e não alimentam aquela boa e velha fantasia de outrora. Elas são mais críticas e não aceitam qualquer coisa, por isso até mesmo os desenhos e livros infantis são mais elaborados, para que elas não achem “bobinhos”. De certa maneira, as crianças sempre quiseram ser adultas o quanto antes, mas hoje em dia isso é cada vez mais cedo. Eu lembro que no meu tempo (o frasezinha de tiuzão…) meninas de 16 ainda brincavam de boneca, e hoje com seus 12 elas já largam os brinquedos para sair em festinhas e colocar fotos na internet. Talvez até pela onda de violência, as crianças pararam de sair na rua para brincar com seus amigos e agora são criadas em cativeiro dentro de casa, tendo o computador como janela para o mundo.

Não teve jeito, crescemos e hoje a infância é apenas algo que estará sempre em nossos corações e brilhará forte quando nos deparamos com aquele desenho animado nostálgico ou quando olhamos aquelas fotos de quando não tínhamos preocupação alguma, quando éramos felizes em nossa inocência – Vamos tentar fazer com que as crianças de hoje voltem a ser crianças.

Anúncios

3 Respostas para “INFÂNCIA

  1. “agora são criadas em cativeiro dentro de casa, tendo o computador como janela para o mundo” adorei essa frase em especial! texto muito bom, e bem verdadeiro infelizmente

  2. É… Eu também era ingênuo e não muito fã de terror. Além de jogar bola, também brincava com massa de modelar, peças de montar (que não eram da LEGO), playmobils…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s